quarta-feira, 15 de outubro de 2014
Olá pessoal!

O tema da BC de hoje foi sugestão da Su, qual foi a viagem inesquecível que eu fiz com o marido.
Nós AMAMOS viajar, isso é um desejo que compartilhamos muito, viagens. Desde que casamos viajamos pelo menos uma vez por ano. Cada viagem e lugar tem sua particularidade, difícil escolher a que mais marcou. Mas, como tenho que escolher ficarei com nossa Lua de Mel em FORTALEZA – TRAIRI – GUAJIRU.

Alguns meses antes do casamento não tínhamos nada decidido sobre a lua de mel, nem mesmo pra onde a gente queria ir, um belo dia estava passeando pelo Groupon e vi um Resort no Ceará preço super legal e eu surtei, marido (noivo na época) surtou e compramos sem saber nem onde ficava direito.
Passado uns dias fomos pesquisar sobre o local e ficamos ainda mais apaixonados mas tinha um porém o resort ficava a 120km e Fortaleza e aí começava a nossa saga pra encaixar tudo,
Chegamos em Fortaleza meia noite de uma segunda feira, logo após o casamento e nos hospedamos no Amuarama Hotel, escolhemos este pois era em frente a rodoviária e tinha serviço de transfer. Ficamos nesse hotel somente para passar a noite mesmo, nisso ele atendeu todas as nossas expectativas, o café da manhã foi OK. Logo cedo já fomos comprar as passagens para irmos pra Trairi. Passamos numa farmacia, compramos o que não havia dado tempo, fizemos check out e partimos rumo ao Guajiru.
Optamos por ir de ônibus pois economizamos nada mais nada menos que R$ 100 dinheiros.
A estrada pra Trairi é uma atração a parte. Você vê o mar por quase toda a extensão.
Ficamos no Resort que se chama Rede Beach Resort e foi nossa melhor escolha, logo na chegada fomos recebidos com um drink de boas vindas de frutas tropicais enquanto fazíamos o check in, fomos para o quarto e já saímos para o almoço.

O que dizer do Guajiru? PERFEITO, a praia calma, sem quiosques, ambulantes nada. Ideal para se desligar e descansar muito.
O café da manhã e atendimento do hotel são impecáveis, na verdade só tenho elogios a fazer quanto a tudo. Nosso quarto era no andar térreo e da varanda andávamos uns 100 metros para entrar no mar.
A piscina uma delicia... ficávamos mais dentro dela do que no mar.






Fizemos passeio de quadriciclo e bug pelas dunas, ambos foram contratados no hotel mesmo.





Num dos dias por Trairi fomos conhecer Flexeiras, que lugar maravilhoso, as piscinas naturais nos encantaram.... e a água quentinha.








Ficamos 4 dias e no sábado era dia de ir pra Fortaleza onde ficamos mais três.
Dessa vez nos hospedamos na Pousada dos Coqueiros na Praia de Meireles, ficava a uns dois quarteirões da praia, optamos por algo mais simples porque dessa vez a intenção não era curtir o hotel e sim a cidade. Os quartos eram limpos, atendimento bom, os proprietários super simpáticos, o café da manhã ok. Nada de luxo como no resort mas a gente só ia pra tomar banho e dormir.
No primeiro dia já chegamos tarde e fomos conhecer o centrinho e a feirinha de artesanato, compramos muitassss coisas, Fortaleza se compra coisas muito baratas com blusas e bolsas. Ficamos na praia depois e tomamos uma cervejinha.


No domingo acordamos cedo e partimos para a praia do Futuro, fomos direto por indicação de um amigo para o quiosque Crocobeach, super recomendo, estrutura fantástica.

Partimos para o centro conhecer Mercado Central e depois para a pousada tomar banho e fomos conhecer o centro cultural Dragão do Mar, muito legal, depois de conhecer todas as galerias fomos pra um barzinho;




A noite teve mais orla da praia, quiosque e um show de humor, típico do Ceará, fica a dica pra quem visitar Fortaleza é não deixar de ir pelo menos a um desses shows.



Na segunda foi dia de relaxar na praia pela manhã porque a tarde era dia de voltar.



Vivemos dias incríveis e tentei detalhar o máximo as coisas para se fazer. Em Fortaleza foi muito corrido mas tentamos conhecer o máximo de coisas possíveis.
Os preços tem para todos os gostos, na Avenida Beira Mar tem restaurantes caríssimos, mas atravessando a rua na orla os preços dos quiosques são super em conta, vale bem mais a pena.
Muitos falam que a cidade é muito violenta. Nossa experiência foi bem tranquila, graças a Deus.

Foi muito bom relembrar. Já fiquei aqui com gostinho de quero mais... esse ano tenho uma mini viagem programada pro dia 17  a viagem mesmo vai ficar pra março. Volto pra contar tudo pra vocês.



Beijos
sexta-feira, 3 de outubro de 2014
Olá pessoal!

Hoje o tema da postagem foi eu que sugeriu, Casei e agora? Quando vocês terão filhos? Fale um pouco sobre a decisão de ter ou não filhos.



Eu e o Raphael sempre compartilhamos do desejo de ser pais.
No namoro quase não falávamos disso. Depois que casamos as pessoas começaram a perguntar e a nossa resposta sempre foi daqui a 5 anos, três anos se passaram e a gente prolongou isso para mais uns três.
A gente ainda tá “novo” e acho que não estamos preparados financeiramente e principalmente psicologicamente.
O Rapha é louco com crianças e tenho certeza que será um ótimo pai. As avos não cobram e dão apoio para que a gente espere um pouco mais e curta o casamento. E assim vamos levando.... a nossa hora vai chegar e será o bebê mais amado do mundo.


Super Beijo
quarta-feira, 17 de setembro de 2014
Olá pessoal!

Voltei para mais uma postagem da BC: Como você conheceu seu marido
Bom, eu e o Raphael nos conhecemos desde sempre de vista.
A gente sempre morou no mesmo condomínio de prédios a vida toda, mas nunca nos falamos. Eu lembro bem que quando eu estava no ensino médio saía pra ir pra escola e encontrava com ele voltando do trabalho (nessa época ele trabalhava de madrugada).
Deve ter sido por volta de 2004/2005 eu fiz amizades com uns meninos mais velhos do condomínio e eles eram amigos do Rapha, acho que ele era o único que eu não conversava, ele nunca estava com o pessoal e nem saía com a gente, nessa época ele namorava. A gente tinha os mesmos amigos e nunca tinha se falado.

O tempo passou e em 2006 abriu uma lan house e o Raphael trabalhava lá, eu  frequentava o lugar as vezes e a gente acabou conversando e trocamos MSN. Direto a gente se falava... poucas palavras e lembro que ele sempre me mandava uma carinha assim :D
Em fevereiro num domingo a gente conversando e ele me pergunta o que eu ia fazer... disse que ia a igreja e ele se ofereceu pra ir junto, duvidei e não é que ele foi mesmo?
Depois da missa paramos num barzinho e ficamos pela primeira vez em fevereiro de 2006.
Depois desse dia a gente ficava e saía direto, mas só em abril no dia 27/04/2006 que começamos mesmo a namorar.
Ele sempre foi encantador, desde o inicio fazíamos planos de casar e tals... muita coisa aconteceu até o grande dia e o resto da historia vocês já sabem. 








A Jeh me indicou para escolher o tema da próxima BC e aí vai: Casei e Agora? Quando vocês terão filhos? Conte um pouco sobre como foi/será a decisão sobre ter ou não filhos.
Para a próxima BC indico a Su do blog Iceberg da Ju


Beijos e até a próxima 
sexta-feira, 5 de setembro de 2014
Olá Meninas !!!

Eu sumi por muito tempo... a uns dois meses eu apareci e fiz um resumao de como tinha sido os últimos dois anos e meio. Então a gora aparecerei pelo menos uma vez por semana pois agora com as amigas do zapzap vou participar de uma Blogagem Coletiva. O primeiro tema é falar como foi meu casamento.
O dia amanheceu meio fechadinho... mas eu tive a certeza que não iria chover. Acordei num horário razoável e fui pra igreja entregar umas coisas para o cerimonial. Fui no supermercado e fiz uma mini comprinha para o apê e depois fui pra casa, tomei banho, almocei e corri para o salão.
Tive uma tarde da noiva, prendi os cabelos e fiquei relaxando e logo logo minha mãe chegou para se arrumar comigo. Foi ótimo ter ela nesse momento comigo.







Fiquei pronta exatamente no horário, sempre disse que não iria me atrasar para o casamento e mesmo assim a cerimônia atrasou 30 minutos.
Meu primo me buscou no salão junto com meu pai e fomos para a igreja, fiquei no carro fazendo uma horinha e logo logo começou a cerimônia, fiquei apreensiva vendo todos entrarem ... nervosismo tomou conta nessa hora e fiquei no carro fazendo fotos.
Me casei na Igreja Batista Aliança Eterna e foi uma cerimônia linda que deve ter durado por volta de uma hora. A palavra do pastor foi sobre como devemos construir nosso casamento na rocha para que ele sempre seja firme e nunca desabe.






Nossos pais abençoando 


Marido fanático pelo atlético na hora da benção ajoelhou e tinha escrito no sapato “Galo Doido” a igreja inteira riu. Sabia que ele faria algo pra homenagear o time.


Recebemos os cumprimentos na igreja mesmo, foi um momento muito legal, todos nos abracando e desejando boas coisas. Não tivemos recepção, joguei o buque e uma amiga querida pegou, Amanda.


 As crianças



Amigas e madrinhas



Amanda




Na segunda feira fizemos as fotos externas que vocês podem conferir abaixo.















Foi uma delicia relembrar tudo e espero que vocês tenham gostado.
Estou meio enferrujada em escrever... Nossa lua de mel passamos no Ceará, vou fazer um post contado tudo.

Beijos

Colaboradores

Pesquisar este blog

Seguidores

Postagens populares

Blogs Amigos

Tecnologia do Blogger.